domingo, 18 de abril de 2010

Centro da vontade de Deus

É muito bom saber que há Deus que cuida de mim, que não é um Deus distante - muito pelo contrário, Ele se faz perto, presente - e acima de tudo: como é bom sentir a presença de Deus, saber que o Senhor é quem comanda o que acontece à minha volta, e Ele é quem me faz enxergar os Seus feitos.
Apesar dos meus erros, das minhas escolhas não baseadas na Sua verdade, apesar de insistir em querer responder aos desejos do meu coração - que são enganosos - ao invés de fazer a vontade de Deus, Ele é justo à ponto de ser capaz de me olhar com olhos de amor, olhos puros, perfeitos, olhos que olham o que eu sou e não o que digo, visto, com quem ando e como ando. Deus me ama pelo simples fato de eu existir, porque eu sou obra dEle. E eu, em plena cegueira espiritual, as vezes acho que Deus não precisa participar plenamente de minha vida. É aí que caio, que me perco, e sou amedrontada pelo meu próprio eu, pelas minhas próprias escolhas erradas.
Como é maravilhoso ter um Deus que está lá, pra me ajudar, pra me estender a mão nessas horas. Se não fosse Seu amor incondicional e Seu perdão sem fim, eu estaria morta agora.
Deus, como eu Te amo! Cada dia mais, cada vez mais intenso, mais diferente, mais único do que qualquer experiência e amor que já senti antes! É Contigo que quero ir até o fim, Senhor.
Não há lugar melhor para estar do que o centro da vontade de Deus

Nenhum comentário:

Postar um comentário